Microsoft proíbe funcionários de comprarem Macs e iPads com dinheiro da empresa

A Microsoft não quer saber de produtos da Apple adquiridos pelos funcionários com fundos da própria empresa – conforme um email que teria sido passado aos colaboradores do setor de Vendas, Marketing, Serviços, TI e Grupo de Operações (SMSG, em inglês) da companhia de Redmond pelo seu próprio CFO, Alain Crozier. 

O site ZDNet teve acesso à mensagem que teria sido enviada a mais 46 mil funcionários da Microsoft deste setor, afirmando que “uma nova política estava sendo implementada para que produtos da Apple (Mac e iPad) não sejam comprados com fundos da empresa”, e que os produtos seriam removidos dos catálogos da próxima semana (a mensagem data do dia 14/3). 

Ao final da mensagem, Crozier disse que haveria um certo trabalho de transição, apesar dos “níveis de compras serem baixos”. Conforme informações da ZDNet, a Microsoft já possuía políticas similares em relação a iPhones, Blackberrys e outros dispositivos.

Desde 2010, a Microsoft distribui gratuitamente aparelhos com Windows Phone desde 2010 (comportamento que a Apple tem desde 2007 com o iPhone), porém não necessariamente obriga que seus funcionários utilizem apenas produtos da empresa – só não quer que eles gastem o dinheiro da multinacional com isso. 

Fonte: Macworld Brasil

Arquivado em: Tecnologia

Palavras-chave: , , ,

Comentários

No Comments

Comente

Você deve estar logado para postar um comentário.